domingo, 15 de novembro de 2009

PRESIDENTE DE ATUAL ASP AVALIA A DIVISÃO DO CAMPO

Associação Sul-Paranense(ASP), na configuração territorial como é conhecida hoje, existe desde o ano de 1989, quando a então Associação Paranaense passou pelo processo de cisão, a exemplo do que acontece historicamente neste domingo em Curitiba. Na época da formação das Associações Norte e Sul-Paranaense, 20 anos atrás, o Campo era formado por 34 distritos pastorais. Hoje, só na região sul do Estado são 65 distritos, cerca de 400 congregações, entre igrejas organizadas e grupos em formação, e quase 40 mil membros, considerados apenas os membros regulares, ou seja, pessoas que aceitaram a doutrina da Igreja por meio do batismo.

Em vista de tal amplitude, tanto geográfica quanto demográfica, o trabalho administrativo da Organização se torna pesado. O pastor Antônio Moreira, presidente da atual sede administrativa da ASP, avalia que a divisão do Campo vem num momento importante e deve impulsionar o crescimento da Igreja. "Esta cisão vai permitir um melhor atendimento por parte da liderança, mais proximidade e melhor conhecimento dos membros", aponta ele. Além disso, lembra Moreira, será possível acompanhar mais diretamente o trabalho dos pastores. "Desta forma, teremos mais facilidade para unir a igreja em torno da Missão e, portanto, o crescimento será mais acelerado", salienta ele.

Elio Moura
Jornalista da ASP

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMPARTILHE

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More