segunda-feira, 22 de março de 2010

A VIDA É INJUSTA, MAS DEUS É BOM

Abaixo o quinto sermão apresentado durante o mês de fevereiro e início de Março em todas as igrejas adventistas no território da Associação Central Paranaense no programa IMPACTO ACP:

"Você já pensou que a vida não é justa? Você já ficou incomodado com este sentimento? Você não fica indignado ao pensar que a corrupção parece ser recompensada com pizza? Ou quando alguém que você julga menos qualificado é promovido tendo sido recém contratado enquanto você se dedica aquela empresa a anos? E o que dizer do cara mais feio da escola se casar com a moça mais bonita? Isto te parece justo? Para mim é justo, pois vai compensar a feiúra. Será que a razão para a vida ser injusta se dá pelo fato de Deus não ter total controle da Terra? O que você acha? Que tal se você compartilha-se com quem está ao seu lado por dois minutos? Vamos lá?

"No princípio quando Deus criou a Terra, não se questionava nada porque tudo era bom. Mas quando o homem se rebelou e um novo mestre foi introduzido, as coisas mudaram. O mundo começou a conviver com o bem e mal. Consequentemente, nossa percepção do certo e errado, do bem e do mal foi comprometida com o tempo. Escute a seguinte história:

"Uma mãe está fritando bolinhos enquanto seus dois filhos brigam pelo primeiro deles. Mamãe querendo ensinar uma lição pergunta: “Se Jesus estivesse aqui, Ele abriria mão do primeiro bolinho”. Então o filho mais velho responde ao menor: “Você faz o papel de Jesus hoje!” As vezes o nosso conceito do que é justo se baseia naquilo que as pessoas ao nosso redor estão recebendo. Uma das nossas tendências é de nos compararmos com os outros. Leia Mateus 20:1-16 para entender o contexto da reflexão desta noite.

"O que levou Jesus a contar esta parábola é revelado em Mateus 19:27-30. Os discípulos estavam questionando o que ganhariam por seguirem a Jesus. Apesar do ideal ser a satisfação da presença de Jesus, nem sempre pensamos assim, não é? Nossa lógica é diferente. Nós estamos sempre interessados naquilo que Deus tem a nos dar. Mas a lógica de Cristo é diferente. Volte a Mateus 20:1 e perceba que o contexto apresenta a vinha que representa a obra de Deus. Eram 6 horas da manhã. O dono da casa representa Deus. Ao contratar seus trabalhadores, ele estabelece seus salários. Eles sabiam desde o início o quanto iriam receber. Mas o dono da casa (Deus) nunca se satisfaz com o número de empregados que tem e por isso vai à praça continuamente para buscar mais trabalhadores. Ele questiona por que eles estão desocupados? Isto nos mostra que Deus espera que estejamos ativos.

"Quando Jesus voltar, dois tipos de pessoas estarão sobre a terra: os acordados e ativos e os dorminhocos e desocupados. Quando pensamos no pecado de Sodoma e Gomorra, pensamos que o pecado foi simplesmente a promiscuidade sexual. Ezequiel 16:49 fala que era a soberba, fartura de pão e próspera tranquilidade. Você já ouviu que “a mente vazia é oficina do inimigo?” Já percebeu que os jovens ociosos depois das dez horas sempre encontram algo perigoso pra fazer? Deus nos chama para atividade. Quando a igreja não está preocupada em evangelizar, ela acaba se fixando em picuinhas.

"Quando a parábola fala dos horários em que o senhor foi buscar trabalhadores, fala das 6,9 e 15 horas. A parábola fala ainda da décima primeira hora que seria às 5. O dia de trabalho terminava às 6. É difícil de entender alguém indo buscar trabalhadores enquanto o expediente está praticamente encerrado lá no campo. Deus quer que estejamos ativos independentemente do tempo que resta; ou do tempo que nos resta. Não podemos nos aposentar na obra de Deus. A grande comissão nos manda ir, pois só assim o evangelho vai alcançar o mundo pra Jesus voltar. Já percebeu que em nenhum relato lido até aqui você lê Deus dizendo que já tem gente suficiente? O dia de trabalho não termina por que não tem mais nada a colher, termina porque não tem mais tempo. É triste pensar que há tanto a fazer pelo Senhor e não há tempo suficiente.

"Outro aspecto interessante é que no final do dia eles recebiam seu salário. Deuteronômio 24:15 fala do pagamento diário feito aos pobres antes do pôr do sol para que pudessem sobreviver. E realmente devemos viver um dia de cada vez - o pão nosso de cada dia, dá-nos hoje”. Devemos comparecer diante do Senhor diariamente pelas nossas necessidades. Mas às vezes só conseguimos estar tranquilos com o salário do mês adiantado. Independente se recebemos diário, semanal, quinzenal ou mensalmente; uma coisa é certa - o dia do pagamento virá. E todos receberão seus salários. Nesta história todos os trabalhadores receberam. Agora pode parecer que os salários foram desiguais, mas não será assim no dia do pagamento final.

"Salmos 73:3 e 17 mostra que no acerto de contas final, toda injustiça será desfeita. Pode não parecer justo agora, mas Deus é bom. Independentemente do tempo de trabalho, o salário será o mesmo. Deus vai dar a vida eterna a todos os Seus trabalhadores. Independentemente do tempo de contribuição, todos se aposentam com os mesmos privilégios, em condições de construírem suas próprias casas na Nova Terra. Agora pode parecer injusto, mas Deus é bom. Não receberemos de acordo com o trabalho que realizamos, mas de acordo com a bondade e graça do nosso Senhor. Pense no ladrão da cruz - ele terá a mesma recompensa que Zacarias que trabalhou a vida inteira. Neste mundo de tanta injustiça e desigualdade, não há uma razão mais contagiante do que esta. Deus é Bom! Apesar de todos os problemas que enfrentamos, Ele ainda nos dá o sol, a chuva, a chance de salvação. Se você tiver que pensar que Deus é injusto; então, pense que Ele é injusto por não retribuir a nós conforme merecemos.

"Pois se o salário do pecado é a morte, eu e você realmente merecemos morrer. Mas Ele nos dá uma chance de viver. Você tem certeza que gostaria de pedir que Ele seguisse à risca tudo que disse? Entenda e aceite que além de ser justo, Deus é misericordioso também.

"Nós procuramos ser misericordiosos com nossos filhos. Quantas vezes você já se percebeu repetindo algo três ou quatro vezes aos seus filhos na esperança que eles obedecessem e não tivessem que sofrer as consequências? Um empresário do ramo de asfalto vendeu sua companhia por 432 milhões de dólares, mas deu 128 milhões para os seus trabalhadores. Aos aposentados ele deu um bônus e àqueles na ativa ele deu um ou dois milhões. Ele não precisava fazer nada daquilo. Ele simplesmente queria repartir sua fortuna. Outra companhia do ramo de informática repartiu sua fortuna e todos os empregados se tornaram milionários. Eles queriam ultrapassar o que era requerido. Qualquer contador ou tesoureiro ficaria louco com uma atitude desta. Talvez pensariam que algum erro contábil tivesse acontecido. Mas o erro contábil de Deus é em nosso favor. Ele disse que reinaríamos com Ele, sentados em tronos. Ele nos dará muito mais do que merecemos. Só o primeiro grupo negociou estabelecendo um contrato com o senhor. Os outros simplesmente confiaram na sua bondade. Que tipo de trabalhador temos sido? Do tipo que quer negociar o que vai receber ou do tipo que confia na graça do senhor? Se quisermos nossos direitos, o contrato destaca que o salário do pecado é a morte. É muito melhor trabalhar pela graça.

"Quanto tempo foi à duração desta parábola? Um dia judeu era de 24 horas: 12 horas de noite e 12 horas de dia. A história fala de um dia de trabalho. Nós vivemos apenas o hoje, pois não há amanhã. Só temos uma chance, uma vida. (Jer. 8:20; Heb. 9:27). Quando é que os primeiros trabalhadores começaram a ficar insatisfeitos?

"Já percebeu como irmãos ficam chateados quando um recebe tratamento diferente do outro. Normalmente quando preparamos leite para um dos meninos e o outro vê, ele também pede. Lembra dos irmãos de José? Por que eles quiseram matá-lo? Era porque José era mau? Ou pela parcialidade do pai? Eles nunca reclamaram de suas roupas até verem a roupa que José recebeu. Em Lucas 15, temos outra história de meninos. Um deles vai embora e torra toda sua herança. Quando volta, seu pai lhe faz uma festa. O outro irmão fica bravo e vem pedir satisfações ao pai. Perceba que o relacionamento deles está em perigo porque o filho não consegue lidar com a graça do pai para com seu irmão. Até na igreja se vê pessoas com inveja de outras por causa de cargos, talentos, etc. Nós teremos muitas surpresas no céu. Imagine Davi e Urias se encontrando no Céu… Paulo e Estevão… Será que iremos para o Céu baseado em hierarquia, tempo de trabalho, experiência? Deus é justo ou não? Não, neste aspecto Deus unirá justiça e misericórdia. Salmo 103:10 diz que Deus não nos trata segundo nossos pecados, nem nos retribui consoante nossas iniquidades. Graça a Deus, pois se não seríamos exterminados num instante.

"O último verso (Mat.20:16) não parece verdadeiro nos nossos junta panelas. Os últimos nunca são os primeiros nas confraternizações. (rsrsrsrs) É um absurdo! No pensamento judaico, foi difícil aceitar que depois de carregarem a verdade durante tantos anos, ficariam em segundo lugar enquanto gregos e romanos entrariam no reino. Jesus parece fazer as coisas de forma diferente. A primeira pessoa a receber a mensagem da ressurreição foi a última pessoa na nossa lista de probabilidades. Uma samaritana ouviu da boca de Jesus ser Ele o Messias. Deus não vê as coisas como nós vemos. E quanto às últimas palavras que se referem aos chamados e escolhidos, precisamos entender que Deus chamou a todos para trabalhar. Deus chamou a todos! Ninguém foi rejeitado! Mas poucos responderam ao chamado. Muitos só quiseram os benefícios de seguir a Cristo, mas nunca carregaram a cruz. Dos muitos chamados, alguns são especialmente escolhidos. Jesus tinha muitos discípulos, mas 12 apóstolos. Muitos milhares foram chamados, mas alguns foram escolhidos para um ministério especial.

"Deus escolheu você para ser contagiante. Deus chamou você a estar sempre preparado para defender a sua fé. Ele espera que você apresente a Cristo como Senhor e Salvador. Quando você tiver a chance de falar do sábado, Ele deseja que você fale do sábado como um presente, como um privilégio de estar com Deus. Quando zombarem de sua fé, lembre-se que tudo em que você acredita está baseado na promessa que Deus fez. E se ele prometeu, vai se cumprir. Quantas pessoas neste mundo sabem o que você sabe? Dos seis bilhões de pessoas, você é uma das 13 milhões que sabem que Jesus vai voltar. Diante dos últimos acontecimentos, será que você ainda não percebeu que estamos realmente no fim? Jesus está chamando você como o homem da parábola. Como Adventistas, temos uma missão especial. Hoje você veio até aqui, e eu não sei o que você queria ouvir. De repente você ouve um chamado. Você foi chamado para trabalhar nesta obra. Você foi chamado para desfazer os mal entendidos e demonstrar que apesar de parecer injusto, Deus é bom. Não importa o quanto tempo você tem estado inativo, hoje é o dia de voltar a trabalhar. O dia do pagamento está próximo! Se você pensa que não tem condições de contribuir com a obra de Deus, lembre que o último será o primeiro. Ninguém espera nada de você, pois Deus sabe o que você pode fazer. Não fica à beira do caminho, venha trabalhar na vinha. Aceite o chamado de Deus, e mãos a obra."

Pr. Dwight Nelson
Tradução e versão: Pr. Denny Martins

2 comentários:

E como você me explica a tristeza que eu sinto na minha vida por ser um cara muito inteligente mas que nao tem oportunidades na vida porque é muito pobre e vive numa cidade muito pequena? Meu pai eu nunca conheci, vivo desde sempre com meus avós. Nunca tive um quarto só pra mim. Meus amigos da pra contar nos dedos. Nao tenho condições nenhuma de comprar um computador pra ajudar nos meus estudos. Sempre sou o mais pobre em qualquer grupo em que eu esteja. Nunca tive uma namorada por ser muito pobre. Eu tenho apenas 18 anos. E me explica agora onde é que há justiça nisso? Nem um trabalho eu consigo arrumar.

Amigo, não sei a relação que você tem com Deus mas eu sei que Deus tem um plano maravilhoso na sua vida e o fato de ser pobre não vai lhe impedir se você tiver um sonho e lutar por ele. Eu recomendaria que você lesse os livros "Ben Carson"
"Sonho (Im)possível" e "Quando Tudo Falha". Eles vão lhe ajudar muito. Você pode adquirí-los pelo site www.cpb.com.br ou pelo telefone 0800-9790606.

Além disso não se esqueça de buscar o Senhor em primeiro lugar todos os dias (Mateus 6:33) através da leitura da Bíblia e oração. Assim se cumprirá em sua vida a promessa de Isaías 41:10 e 13 que diz: "Por isso não tema, pois estou com você; não tenha medo, pois sou o seu Deus. Eu o fortalecerei e o ajudarei; eu o segurarei com a minha mão direita vitoriosa. Pois eu sou o Senhor, o seu Deus, que o segura pela mão direita e lhe diz: Não tema; eu o ajudarei."

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMPARTILHE

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More