domingo, 5 de fevereiro de 2012

Reforma cognitiva

“E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.” Romanos 12:2

O que é Reforma? A escritora Ellen White define reforma como sendo o resultado de um genuíno reavivamento, como “uma reorganização, uma mudança nas ideias e teorias, hábitos e práticas.” (WHITE, Ellen G., Mensagens Escolhidas, vol. I, p.128). Isto nos leva a concluir que a mudança efetiva de nossos comportamentos passa pela transformação da nossa maneira de pensar.

Para Gideão ser poderosamente usado por Deus, foi preciso que primeiro ele tomasse uma corajosa atitude de reformar a sua própria família, derrubando o altar de Baal. Juízes 6:25
No caso de Elias, foi preciso que o altar do Senhor fosse restaurado. I Reis 18:30.

Creio que podemos identificar o que tirar e o que colocar em nossa maneira de pensar através do exemplo que Jesus Cristo nos deixou.

Jesus desenvolveu no mais alto grau a habilidade de direcionar a Sua mente para o foco correto. Isso O habilitou a gerenciar os Seus pensamentos, de tal maneira que, mesmo sendo “desprezado e o mais rejeitado entre os homens” Isaías 53:3., mesmo em momentos de extrema angústia e tensão, Sua emoção não era vítima das circunstâncias, os problemas e as frustrações não o controlavam nem o dominavam (CURY, Augusto. Análise da inteligência de Cristo – O Mestre do Amor, p. 62) e não permitia que nenhuma circunstância ou pessoa tirasse a Sua paz. (Idem, p. 43 )

Ele nunca deu lugar para pensamentos de baixa autoestima, pois sabia que o problema não estava com Ele, e sim com as pessoas que O humilhavam e O desprezavam, tanto que Ele orou: “Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem.” Lucas 23:34
Jesus sabia fazer muito do pouco (CURY, Augusto. Treinando a Emoção Para Ser Feliz, p.119). Ele tirava força da fraqueza, alegria da dor, sabedoria das injustiças, enfim, era feliz na terra de infelizes. (CURY, Augusto. Seja líder de Si Mesmo, p.107

Que a cada dia possamos fazer uma reforma e reorganização cognitiva em nossa mente, resistindo à melancolia e alimentando-a com as lembranças de como Deus tem sido maravilhoso em nossa vida!

Sigamos o conselho inspirado: “Recordemo-nos das misericórdias que Deus tem-nos mostrado – as lágrimas que Ele enxugou, as dores que suavizou, as ansiedades que aliviou, os temores que dissipou, as necessidades que supriu, as bênçãos que derramou. Dessa maneira, Ele nos fortalece para tudo o que se colocar à nossa frente no que resta de nossa jornada.” (WHITE, Ellen G., Esperança para Viver, p. 11)

Pr. Adilson da Cruz Ferreira
Associação Paulista Central – UCB

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMPARTILHE

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More