segunda-feira, 20 de agosto de 2012

O Grande Acontecimento

“E depois que eu tiver ido e preparado um lugar para vós, virei outra vez [...]” João 14:3.

A vida moderna tem sido marcada pela ansiedade, curiosidade e medo. São as principais forças que motivam nossas ações. A história da humanidade é, em grande parte, a história de negar, reprimir ou fugir com medo. Quem sabe o que trará o próximo avião? Felizmente, temos um Deus que nos ama, um Deus que conhece nossos temores na medida em que os parâmetros do grande conflito permitem. Uma maneira como Ele faz isso é pelas profecias apocalípticas, em que Deus falou com os profetas para nos ajudar a ver o caminho além do declínio espiritual e da efervescência desesperada de um mundo caído, moribundo.

A proclamação da segunda vinda de Cristo está no coração da mensagem e da missão da igreja. Aqui estamos para preparar o mundo para o encontro com seu Criador e Redentor. Temos de conservar vivas essa esperança e essa certeza. A incerteza é comum em nossa vida. Devemos aprender a conviver com isso. Mas há áreas nas quais a certeza é indispensável, se quisermos descobrir o significado de nossa existência. Será que podemos ter a certeza da volta de Jesus? Definitivamente, sim. Qual o fundamento dessa certeza?

A palavra empenhada transmite segurança. A certeza da segunda vinda de Jesus está baseada em Sua Palavra. Ele confirmou aos discípulos: "Virei outra vez" (Jo 14:3). Há um detalhe interessante na forma como Jesus construiu a frase. No grego, o verbo está no presente. Gramaticalmente seria melhor colocar o verbo no futuro, por isso os tradutores puseram no futuro. Mas pelo que Jesus quis dizer, o presente é mais adequado. A construção, em grego, é conhecida como futuro futurístico. O verbo foi usado no presente para enfatizar a certeza ou inevitabilidade do acontecimento descrito. Jesus usou o presente para sublinhar o fato de que Sua promessa é absolutamente certa.

Entre os discípulos, encontramos o mesmo interesse pela pregação da segunda vinda de Cristo. Paulo (2 Ts 4:13-17), Pedro (2 Pe 3:4-10) e João (1 Jo 3:2,3), entre outros, anunciaram o breve retorno de Cristo.

Eles estavam completamente persuadidos de que o retorno de Cristo aconteceria em algum momento, e passaram a pregar isso. Sem essa esperança, o cristianismo já se teria extinguido.

Se Jesus tivesse que falar algo para você hoje a respeito do preparo para a Sua volta, o que Ele certamente lhe diria? Tem você dedicado tempo e esforço anunciando esse acontecimento glorioso? Pense nisso!

Pr David Nery de Santana 
Missão Sergipe – UNeB

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMPARTILHE

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More